Séries que amamos: Sexy and the City ♥

Hoje depois de tanto tempo terminei de assistir a todas as temporadas de Sexy and the City. Eu já era fã da série há muito tempo e na época em que ela estava passando eu costumava acompanhar os episódios pela televisão, mas nunca fui uma telespectadora assídua. Por causa disso nunca consegui assistir a todos os episódios, muito menos na sequencia certa. Há uns dois meses me apaixonei pelo box que lançaram com seis DVDs de todas as temporadas. Fiquei doida para comprar, mas como achei meio salgado o preço resolvi apelar para a boa e amiga de todas as horas: a internet. E então comecei a saga Sexy and the City e hoje ela chegou ao fim. Já me sinto órfã das histórias dessas quatro amigas. Sensacional, não me lembrava o quanto essa é uma séria gostosa de se ver, além é claro, tem um excelente roteiro e um entrosamento fantásticos entre os atores. Outra coisa bacana foi reparar nos looks de Carrie Bradshaw, muita coisa de seu figurino voltou a ser moda a pouco tempo. E os sapatos, lindos, divinos, sem comentários.
A série terminou com um final apoteótico, em grande estilo, com nostalgia. Não sei se é por causa da gravidez, mas chorei e muito nos últimos episódios. Talvez porque estar em Paris é um sonho, talvez porque mudar de país tem seu lado bom, mas ficar longe de casa e principalmente das amigas, é difícil e me identifiquei com Carrie a vendo andar por lindas ruas e cafés, sozinha porém. Além do mais, no fundo somos românticas e assim como ela, procuramos o verdadeiro amor, mas não qualquer amor, queremos aquele que nos deixe sem fôlego, com vontade de pular de alegria feito criança, que faça nosso coração bater mais forte e que arranque suspiros a cada beijo. É claro que viver 24 horas de romance é difícil, quase impossível, mas é isso que permeia nossos sonhos e ilusões. Toda mulher já quis um dia ser resgatada de uma triste situação pelo amor de sua vida. Toda mulher já sonhou em ser surpreendida, em ter seus desejos e mais secretos pensamentos lidos e realizados por alguém. Toda mulher já teve um amor do qual parecia impossível continuar vivendo sem. Mas poucas mulheres foram resgatadas pelo amor de sua vida em Paris. Vou sentir saudades, afinal toda mulher tem um pouco de Carrie, Samantha, Charlotte e Miranda, mesmo que seja láaaa no fundo de seus pensamentos e ações. 

 
 
 



Obrigada pela visita!

Postar um comentário