Sete filmes para celebrar o Halloween e o Dia de los Muertos


O Halloween é o feriado mais esperado pelos estadunidenses e muito comemorado em Monterrey. Casas são decoradas com aranhas, esqueletos, caveiras e abóboras. Na noite de Halloween as crianças saem pedindo doces. Os adultos vão para festas fantasiados e alguns estudantes também não perdem a chance de desfilar pelas escolas e universidades devidamente caracterizados.

 
Assim como o Halloween, o “Día de los Muertos” é extremamente festejado e lembrado por todos os mexicanos. Ao contrário da nossa cultura onde há choro e vela, o dia dos mortos é a tradição mais representativa da cultura mexicana. Aqui a morte é vista com outros olhos. De 31 de outubro a 02 de novembro, milhares de pessoas vão ao panteón – cemitérios – onde fazem altares para os entes queridos com flores, velas, comidas e doces – dentre eles o tradicional pan de muerto e as caveirinhas feitas de açúcar - tequilas e objetos preferidos do seu ente querido. Outros confeccionam esse altar em suas casas, onde a família e os amigos se reúnem para confraternizar, celebrar a vida e lembrar com carinho aqueles que se foram.

 

Para os mexicanos a pior coisa que pode acontecer para alguém depois da morte é ser esquecido. Por isso, celebram seus antepassados com festa, música e alegria, tudo com muita seriedade e respeito. Essa é a melhor forma de honrá-los e manter viva a memória deles.



Esse diferente olhar sobre a morte me fascina, nesse ano quero visitar um pantéon para ver de perto a celebração dessa data. E para celebrar o dia das bruxas nada melhor do que um pouco de cinema. Apague as luzes, acenda as abóboras e se prepare com muita pipoca para a diversão e o susto! Ha Ha Ha Ha Ha Ha Ha Ha Ha 
E vamos aos filmes. Quando penso no mundo dos mortos, lembro imediatamente de Tim Burton - apreciador da relação que os mexicanos têm com a morte - e consequentemente de dois de seus filmes: “A noiva cadáver” e “Frankenweenie”.

A NOIVA CADÁVER (2005)
Sinopse: Em um vilarejo europeu do século XIX vive Victor Van Dorst (Johnny Depp), um jovem que está prestes a se casar com Victoria Everglot (Emily Watson). Porém acidentalmente Victor se casa com a Noiva-Cadáver (Helena Bonham Carter), que o leva para conhecer a Terra dos Mortos. Desejando desfazer o ocorrido para poder enfim se casar com Victoria, aos poucos Victor percebe que a Terra dos Mortos é bem mais animada do que o meio vitoriano em que nasceu e cresceu.

FRANKENWEENIE (2012)

SINOPSE: Victor (Charlie Tahan) adora fazer filmes caseiros de terror, quase sempre estrelados por seu cachorro Sparky. Quando o cão morre atropelado, Victor fica triste e inconformado. Inspirado por uma aula de ciências que teve na escola, onde um professor mostra ser possível estimular os movimentos através da eletricidade, ele constrói uma máquina que permita reviver Sparky. O experimento dá certo, mas o que Victor não esperava era que seu melhor amigo voltasse com hábitos um pouco diferentes.
 
CORALINE E O MUNDO SECRETO (2009)

Seguindo na linha da animação esse filme foi a 1ª animação em stop-motion a ser feita originalmente para o formato 3D. Todo o seu processo de pré e pós–produção podem ser acompanhados no making of do filme. Assista e se encante com a história e os detalhes de sua criação. Caroline Jones (Dakota Fanning) certo dia em sua casa encontra uma porta secreta. Através desta porta tem acesso a outra versão de sua própria vida, a qual aparentemente é bem parecida com a que leva. A diferença é que neste outro lado tudo parece ser melhor, inclusive as pessoas com quem convive. Caroline se empolga com a descoberta, mas logo descobre que há algo de errado quando seus pais alternativos tentam aprisioná-la neste novo mundo.

A CHAVE MESTRE (2005)


Um filme de suspense, inteligente, com um roteiro muito bem elaborado. A chave mestre tem uma história envolvente sobre magia e um final revelador, onde nada é o que parece ser. O filme conta a história de Caroline uma enfermeira de um hospício que é contratada para cuidar de uma senhora, mas acaba se envolvendo com fenômenos além de sua compreensão.


O SEGREDO DA CABANA (1980)

Um filme que reúne todos os clichês de filmes de terror de uma maneira inteligente, divertida e nada convencional, com a mistura de cenas de horror trash com humor negro. Dirigido por Drew Goddard e escrito por ele em parceria com Joss Whedon, autor da famosa série “Buffy, a Caça-Vampiros” e “Os Vingadores”. Na trama um jovem estudante que reúne sua namorada e mais três amigos para ir passar o feriado em uma cabana no meio de uma floresta, afastada de tudo e de todos. O que era para ser somente curtição entre a turma, acaba se transformando em algo que suas mentes jamais imaginariam.


O ILUMINADO (1980)


Muitas pessoas consideram esse uma obra-prima de Stanley Kubrick. Outros fãs de Stephen King se contorcem com a adaptação de um dos melhores livros do autor. O fato é que “O iluminado” é um clássico da história do cinema. Envolvente, com uma atmosfera aterrorizante, para ser visto e revisto, na companhia de alguém, é claro. O filme conta a história de uma família que chega a um hotel aterrorizado por um passado sombrio. Algumas cenas, como a da morte das irmãs gêmeas, marcaram o cinema  e se tornaram referência do gênero.


HALLOWEEN – O INÍCIO ( 2007)


Para finalizar a nossa lista, o remake de Halloween de 2007. Uma franquia de bastante sucesso que rendeu oito filmes antes de O Início, entre 1978 e 2002, alguns bem ruinzinhos, especialmente os dois últimos. O interessante é que o Halloween original inspirou a criação, dois anos depois, de outra franquia consagrada, o Sexta-Feira 13. O filme conta a história do serial killer Michael Myers, que escapa de um hospital psiquiátrico exatamente no dia das bruxas, decidido a se vingar das pessoas que o fizeram parar no local. 

E então, o que vocês acharam da lista?
 
Texto publicado no site Coisas de Cinema.

Obrigada pela visita!

Postar um comentário